VENDA DE APOSTILAS E PROJETOS

Como complemento ao meu trabalho neste blog, elaborei para venda diversas apostilas de atividades de alfabetização e projetos pedagógicos de variados temas indicados para professores que atuam em Educação Infantil, Ensino Fundamental e Alfabetização de Jovens e Adultos (EJA).


Os interessados poderão também entrar em contato por email ou pelos telefones abaixo:

glaucerossi@terra.com.br

glaucerossi@gmail.com

glauce.rossi@hotmail.com

WhatsApp (11) 97574-9228 (Vivo)

Glauce ou Hugo no horário de atendimento das 9:00 às 20:00 de segunda à sexta-feira.


CLIQUE AQUI PARA ACESSAR MINHA LOJA DE MATERIAIS

CADASTRO DE CONTATO

quarta-feira, 22 de maio de 2019

BNCC e o ensino de Português a partir do 3º ano


O prazo-limite para alfabetização ocorrer, de acordo com a BNCC, passa a ser o terceiro ano, quando o processo continua com mais foco na ortografia.
Não basta dominar o sistema de escrita para estar alfabetizado é também preciso também ser capaz de ler e escrever textos de diversos gêneros. Um processo que a BNCC indica ter continuidade a partir do 3º ano, quando a ênfase é na ortografização.

Para trabalhar a ortografia temos o material abaixo para auxiliar os professores nesta tarefa. Para adquirir, entre em contato por e-mail glaucerossi@terra.com.br ou pelo telefone (11) 95248-7897 (WhatsApp):




domingo, 19 de maio de 2019

BNCC e a consciência fonológica na alfabetização



A BNCC considera as contribuições da perspectiva construtivista, principalmente os estudos sobre os processos pelos quais as crianças passam para se apropriar da escrita. Mas também aponta ser preciso um trabalho com a consciência fonológica e com conhecimento das letras para ajudar a criança a evoluir em suas hipóteses de escrita.
A consciência fonológica é a capacidade de identificar e discriminar diferentes sons.

Veja aqui algumas atividades para trabalhar a consciência fonológica:

HENNEMANN, Ana L.  Consciência Fonológica – O que é? Como desenvolvê-la?  Novo Hamburgo, 05 de julho/ 2017. Disponível online em:  http://neuropsicopedagogianasaladeaula.blogspot.com.br/2017/07/consciencia-fonologica-o-que-e-como.html


→Veja também outras apostilas com atividades:
https://sites.google.com/site/diariodaprofaglauce/home



quarta-feira, 15 de maio de 2019

BNCC e a alfabetização



De acordo com a BNCC a alfabetização deve ocorrer em dois anos com o 3º ano como prazo-limite.

O documento propõe para a alfabetização aliar o trabalho com duas linhas de ensino: a primeira indica para a centralidade do texto e para o trabalho com as práticas sociais de leitura e escrita, a segunda soma a isso o planejamento de atividades que permitam aos alunos refletir sobre o sistema de escrita alfabética.

Nesta perspectiva o trabalho é voltado para a concepção do alfabetizar letrando.
Alfabetizar letrando significa orientar o/a alfabetizando/a para que ele/a aprenda a ler e a escrever na perspectiva da convivência com práticas reais de leitura e da escrita. Isto implica em substituir as tradicionais e artificiais cartilhas por livros, por revistas, por jornais, enfim, pelo material de leitura que circula na escola e na sociedade, criando situações que tornem necessárias e significativas práticas de produção de textos.

Com o objetivo a alcançar que todos os alunos passem para a fase alfabética, utilize textos conhecidos como listas, rótulos, parlendas, músicas, cantigas, trava-línguas, adivinhas, histórias em quadrinhos, receitas, poemas e outros. E simultaneamente trabalhe com a consciência fonológica focando nas relações entre sons e letras de palavras.  





quarta-feira, 1 de maio de 2019

O ensino de Ciências e a BNCC

O ensino das Ciências deve partir de indagações a respeito do ambiente e da própria natureza, para que a criança possa percorrer os caminhos já traçados pelas descobertas – observando, associando, expressando, questionando.
Desta forma, o ensino das Ciências segue alguns procedimentos metodológicos, os quais seriam:  formulação de hipóteses, experimentação, observação, solução de problemas, discussões, leituras, registros.
De acordo com a BNCC, no ensino de Ciências, o aluno deve:
- Analisar, compreender e explicar características, fenômenos e processos relativos ao mundo natural, social e tecnológico, como também as relações que se estabelecem entre eles, exercitando a curiosidade para fazer perguntas, buscar respostas e criar soluções  com base nos conhecimentos das Ciências da Natureza. 

Exemplo:

Hipóteses:
As crianças fazem o levantamento de hipóteses de acordo com suas curiosidades:
- Como nasce uma planta?
- O que a planta precisa para crescer?

Experimento:
Plantar um pé de feijão.

Observação e registro:
Durante o experimento, a criança vai registrando suas observações.

Solução de problemas:
Durante o processo as crianças observaram que uma planta morreu.
Em uma roda de conversa fazer o levantamento de hipóteses e incentivar a busca por solução do problema:
Por que isso aconteceu? O que fazer para que isso não ocorra novamente?

Discussão:
Rodas de conversa durante todo o experimento.

Leituras:
Trazer textos que falem a respeito do tema para aprofundar o estudo.







Para adquirir entre no site:



Seguidores